A Polícia Civil de Muzambinho, no Sul de Minas, investiga de onde saiu um ranking que expõe a conduta sexual de mulheres da cidade. São cerca de 100 vítimas, solteiras e casadas, de todas as idades (inclusive adolescentes), citadas na lista como as que possuem as maiores experiências sexuais entre a população de 20 mil habitantes.

lista

Muitas vítimas procuraram a polícia e registraram boletim de ocorrência. Uma advogada da cidade reúne o maior número possível das vítimas para uma denúncia coletiva.

A investigação visa apontar quem criou e compartilhou o ranking. Os autores responderão por calúnia, difamação, injúria e falsa identidade – quando os perfis falsos nas redes sociais são usados para disseminar o material.

A lista cita nomes e locais de trabalho das mulheres, além de atribuir adjetivos quanto às ‘experiências’ das vítimas.

Fonte: Itatiaia

Deixe aqui o seu comentário:

anuncie_aqui_720x104_vermelho